A política de regionalização do turismo de Minas Gerais: um estudo de caso do Circuito Turístico Caminhos do Sul de Minas

 

O presente trabalho realizou um estudo de caso no Circuito Turístico Caminhos do Sul de Minas, apresentando como objetivo principal investigar qual o estado da arte da Política de Regionalização do Turismo na região que este Circuito Turístico abrange. Visto isso, promoveu-se uma discussão teórica em torno dos conceitos de políticas, políticas públicas e políticas públicas para o turismo, bem como um breve contexto histórico das políticas de turismo no Brasil e a Política de Regionalização do Turismo.Os procedimentos metodológicos foram divididos em quatro etapas, sendo elas: Pesquisas secundárias, elaboração de questionário e roteiro de entrevista, pesquisa empírica e análise de dados a partir da definição de categorias de analises. Além destas etapas metodológicas, utilizou-se ainda o campo de estágio como procedimento metodológico complementar. Com relação aos resultados da pesquisa, compreendeu-se que o Circuito Turístico Caminhos do Sul de Minas possui uma gestão diferenciada, que busca trabalhar a proposta da Política de Regionalização do Turismo encontrando soluções para os desafios identificados. No que tange à Política de Regionalização do Turismo, conclui-se que esta trouxe grandes contribuições para o cenário das políticas públicas de Minas Gerais, mas que ainda possui gargalos que precisam ser trabalhados para a sua efetividade.

 

 

 

 

 Artigo para download

 

 

Please reload

Artigos recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags
Acompanhe-nos
  • Grey Facebook Icon
  • Grey YouTube Icon
  • Grey Instagram Icon