Turismo e desenvolvimento regional: modelos gestores aplicáveis ao produto turístico Caminho Religioso da Estrada Real

 

 O Turismo é uma atividade que vem crescendo bastante no mundo e tem se mostrado como uma importante ferramenta de desenvolvimento socioeconômico. Na esfera pública, os governos movem esforços na criação de políticas de apoio e fomento ao turismo, de forma estratégica. Em Minas Gerias, o Caminho Religioso da Estrada Real (CRER) é um produto turístico desenvolvido pela Secretaria de Estado de Turismo (SETUR-MG) a fim de aumentar o fluxo de turistas em um roteiro que abarca dezenas de municípios, como forma de impulsionar o desenvolvimento regional, por meio da geração de emprego e renda, melhorias de infraestrutura, além de diversos impactos positivos nos arredores da rota de peregrinação que configura o CRER. Após a entrega de um roteiro turístico estruturado, a SETUR-MG irá entregar a gestão do produto turístico a uma unidade gestora, a ficar responsável pela promoção, manutenção e investimentos na rota religiosa. O objetivo deste trabalho é identificar que tipo de unidade gestora, ou modelo gestor, permite um próximo relacionamento ao poder público, além de apresentar características que possibilitem a maior qualidade de gestão possível, agregando valor ao produto turístico e promovendo o desenvolvimento regional.

 

 Artigo para download

 

Please reload

Artigos recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags
Acompanhe-nos
  • Grey Facebook Icon
  • Grey YouTube Icon
  • Grey Instagram Icon